Blog do Polli
  

CONCORRÊNCIA DESLEAL

            A Rua Assis Figueiredo viveu horas de muita agitação na manhã de ontem com a fiscalização de agentes da Receita Federal em lojas pertencentes a orientais. Nos estabelecimentos foi encontrada e apreendida grande quantidade de mercadoria importada de origem não comprovada já que os comerciantes não apresentaram as notas fiscais de compra.

O operação denominada Cavalo de São Jorge contou com apoio das polícias Federal e Militar e diversos agentes da receita que após comprovar a origem incerta dos produtos, determinavam sua apreensão..

            De uns tempos para cá a principal rua da área central sofreu uma verdadeira invasão oriental com abertura de várias lojas que comercializam os produtos denominados popularmente como ching lings.

            Não haveria nada de mais se a mercadoria exposta ao público tivesse a origem comprovada e se os impostos fossem recolhidos naturalmente, como fazem os comerciantes legalmente estabelecidos e que pagam seus impostos, escorchantes, é verdade, mas dentro do que a lei estabelece. A partir do momento em que o mesmo não ocorre com os chineses e coreanos, fica caracterizada a concorrência desleal.

            Não é à toa que para abrir suas lojas (ontem foram fiscalizadas sete delas), os orientais pagam um preço alto em luvas e aluguéis, numa época em que a maioria dos comerciantes vive apertada pelos efeitos da crise econômica, queda nas vendas e dos altos aluguéis cobrados dos imóveis comerciais no centro. Boa parte desses imóveis pertence a famílias tradicionais da cidade.

            Como consequência da crise e do alto custo para manter uma loja aberta, existe hoje mais de quarenta pontos comerciais fechados à espera de alguém mais atrevido, disposto a investir seu capital em algum tipo de atividade comercial, correndo um risco que muitas vezes acaba arruinando a vida do investidor já que o retorno acaba não acontecendo.

            Com os chineses e coreanos parece que esta preocupação não existe, porém, a apreensão de ontem mostra que ninguém faz milagre. Poucos conseguem para bancar a despesa com aluguel, funcionários e impostos e ainda auferir algum lucro.

            A atuação do órgão fiscalizador deveria ser mais constante, assim como a prefeitura deveria deixar a inércia de lado e acabar com o comércio irregular, principalmente no que diz respeito a concorrência desleal feita pelos chamados ambulantes que sob proteção política conseguiram se estabelecer em pontos estratégicos, sem pagar luvas e aluguel e ainda ganhando muito dinheiro com seus trailers de lanches, sorvetes e outras guloseimas.

            Muitos até mantém funcionários trabalhando recolhendo apenas a féria no final do dia e ainda ganham um bom dinheiro na comercialização dos seus “pontos” de comércio. Além da parte legal, a prefeitura deveria fazer também as mesmas exigências que o setor de Vigilância obriga os comerciantes a seguir.

            Com alguma vontade política o poder público municipal poderia dar a sua contribuição para o comércio regular da cidade.

DROPS

Não foi recebida com simpatia pelos colegas de legislativo, a sugestão do presidente da Câmara, Paulo Tadeu, de realizar uma sessão solene para a entrega de diplomas de honra ao mérito a algumas personalidades, exatamente às vésperas da eleição. Muitos vereadores entendem que o presidente da Casa está apenas criando uma agenda para se beneficiar do palanque já que é candidato a deputado.

********

A revista Exame acaba de publicar as 250 empresas de médio e pequeno porte que mais cresceram em todo o país. Na região, apenas três constam na lista: Fiori Cerâmica, fabricante de louças sanitárias, com sede em Andradas; Dello, fabricante de arquivos, pastas e maletas para documentos, de Extrema, e Santa Isabel, fabricante de implementos agrícolas e rodoviários, de São João da Boa Vista. Poços não teve nenhuma das suas empresas classificadas.

*********

Sempre focado em temas nacionais, Paulo Tadeu usou a tribuna na sessão de ontem da Câmara para dizer que apoia integralmente a regulação da mídia no país e aproveitou para criticar a grande imprensa que segundo ele, está nas mãos de duas ou três famílias midiáticas que são contra o Partido dos Trabalhadores. O vereador disse que agora os grandes veículos de comunicação são a favor de Marina e contra o PT. “Eles não tem projeto para o Brasil, tudo que é contra o PT eles apoiam”, disse o vereador.

*********  

O mesmo não se pode dizer da imprensa local, onde tudo está dominado pela administração já que a maioria dos veículos de comunicação depende de verbas públicas para continuar sobrevivendo.

********** 

O debate da Band ontem a noite, entre os principais candidatos a presidente não chamou a atenção dos telespectadores já que a emissora continuou registrando média baixa de audiência. Marina, Dilma e Aécio não fugiram dos temas polêmicos e partiram para o ataque.

******** 

Além do “chega de blá-blá-blá”, Tereza Navarro, candidata a deputada estadual utiliza também o slogan “fazer mais por você”. Seu adversário, Paulo Tadeu, não deixa por menos, criou o “Este Sabe Fazer”. Geraldo Thadeu “Fez, Faz e Continuará Fazendo Muito Mais”.

********

.Paulo Eustáquio (PSD), vereador da base aliada, disse ontem alto e bom som, durante a sessão ordinária, que não vai aceitar a incumbência de liderar a bancada da situação, mesmo sendo vice-lider, por conta da exoneração do líder Flávio Faria. Falou que está solidário com seu colega por conta do vexame que passou ao ser hostilizado pela Secretária de Administração, Maria Luisa Santiago, em plena sessão legislativa.

********

Flávio Faria já havia confidenciado que deixaria a liderança do governo, independente do episódio que aconteceu na Câmara, quando foi destratado pela Secretária de Administração. Disse que não está de acordo com o que vem acontecendo na prefeitura e que pensava que o Eloisio fosse uma pessoa e na verdade se revelou outra!

********

O Prof. Flavio fez um pedido de informações sobre a reforma dos PSF's da Fazenda Souza Lima e Aparecida. Os questionamentos foram a pedido de um vereador de oposição que não tem contato algum com os secretários ou prefeito. Perguntou o porquê da demora da aprovação do projeto pela Vigilância Sanitária e quando as obras seriam feitas entre outras coisas.

******** 

O vereador Antonio Carlos Pereira agendou entrevista coletiva esta tarde para explicar tin-tin por tin-tin, a possível fraude realizada pelo setor administrativo da prefeitura que contratou uma cirurgiã dentista aprovada em concurso, sem que ela tenha apresentado registro no Conselho Regional de Odontologia (CRO), no prazo estipulado pelo edital. Em seguida, o vereador encaminha toda documentação para análise do Ministério Público.

********* 

 A primeira suplente Ligia Podestá, do DEM, assume hoje o lugar do seu colega Tiago Cavelagna na Câmara de Vereadores. Segundo informações, Tiaguinho solicitou licença para colaborar na campanha da candidata Tereza Navarro. 



Escrito por Blog do Polli às 07h03
[] [envie esta mensagem] []


 
  

TRÂNSITO: CADA VEZ MAIS COMPLICADO

            Além de não executar qualquer obra que faça melhorar o trânsito na área central, a administração torna cada dia mais difícil a vida dos motoristas com interdições desnecessárias, mostrando ineficiência até mesmo para gerir o estacionamento rotativo agora sem cobrança pelo uso da chamada zona azul.

            Logo que tomou posse, o prefeito foi avisado pela diretoria da Associação Comercial que a entidade não tinha interesse em continuar explorando a zona azul. Atendendo a solicitação do chefe do executivo, a ACIA se comprometeu a gerir o estacionamento pago por mais um ano.

            Em julho último, acabou o prazo e a associação devolveu o abacaxi para a prefeitura que não tendo se preocupado com o problema, agora não sabe o que fazer para disciplinar o estacionamento na área central. Os maiores prejudicados são os comerciantes já que encontrar uma vaga para estacionar, sem virou simplesmente um golpe de sorte, principalmente nos dias úteis, em horário comercial.

            Com a implantação da bagunça generalizada, as reclamações começaram a chegar até os vereadores que sugerem ao prefeito a entrega do serviço para uma empresa privada mediante um simples decreto. Ou então, que o município assuma a cobrança, o que seria uma medida de alto risco que Eloisio não está disposto a correr.

            Fora isso, nas duas últimas administrações, por conta dos transtornos que causa ao trânsito, mesmo em finais de semana, foram proibidos os eventos que provocavam interdições tanto na Praça Pedro Sanches, esquina com a Rua São Paulo, como na área de estacionamento, atrás do Pálace Hotel, exceção aberta apenas para a Sinfonia das Águas quando o hotel serve de cenário.

            A administração atual voltou a permitir as interdições, normalmente na área atrás do hotel. É difícil um final de semana em que o trânsito ali não seja interditado para a realização de alguma festa.

            Muitos desses eventos poderiam ser realizados em ouro local, como por exemplo, a Praça Martinho de Freitas Mourão, em frente ao museu, área de lazer construída na gestão Geraldo Thadeu, destinada exclusivamente para eventos.

            Um local que não atrapalha o trânsito, dotado de sanitários, que ultimamente está faltando no parque José Afonso Junqueira por conta da reforma dos banheiros. Sem eles, frequentadores costumam fazer suas necessidades na parede do hotel.

            Estamos nos aproximando dos 100 mil veículos automotores licenciados na Delegacia de Trânsito, isto significa que o que está ruim, pode ficar pior ainda tantos veículos para poucas ruas. Pelo andar da carruagem, as prometidas obras de mobilidade urbana continuarão fazendo parte apenas dos discursos já que a verba que seria liberada pelo governo federal não existe.

            É mais um nó que esta administração não consegue desatar.

DROPS

Moradores do Conjunto Habitacional Dr. Pedro Afonso Junqueira estão em pé de guerra com a administração por conta da proposta de transformar o Hospital Margarita Morales em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Não aceitam a alteração de jeito nenhum porque temem que a partir da mudança o hospital que foi criado para atender moradores da zona sul passe a atender também moradores de toda a cidade e de municípios vizinhos. Estão elaborando um abaixo-assinado e prometem bater bumbo no gabinete do prefeito e na Câmara de Vereadores contra a medida.

********  

Inspirado no slogan criado pelo falecido Eduardo Campos, (Não Vamos Desistir do Brasil) já tem pré-candidato a prefeito em 2016 querendo adotar o “Não Vamos Desistir de Poços”.

*********

Candidato ao Senado Federal, o ex-governador Antonio Anastasia deve vir a Poços de Caldas na próxima sexta-feira para fazer campanha e manter contato com lideranças que apoiam a chapa tucana. Ontem foi entregue uma quantidade razoável de panfletos e cartazes do candidato que angariou a simpatia de muita gente por conta da sua constante presença na cidade enquanto governador.

********

As apostas nas rodinhas formadas por jornalistas é qual será o primeiro candidato a despejar um balde de água gelada na cabeça para colaborar coma campanha e ganhar espaço na mídia. Por conta do espírito descontraído, os mais cotados até são Geraldo Thadeu e Paulinho Courominas.

******** 

Segundo informou um representante do Departamento de Estrada de Rodagem (DER), após a conclusão das obras de asfaltamento da estrada Poços-Palmeiral, o órgão deve fazer o recapeamento da Avenida Mansur Frahya desde o terminal rodoviário, seguindo pela Av. João Pinheiro, até o Bortolan. Embora o governo federal tenha prometido, através do Ministério dos Transportes, fazer o mesmo na Av. Wenceslau Brás, não se tem notícia de quando o serviço será realizado.

********  

Queridinha de Fernando Pimentel, de quem foi assessora na prefeitura de Belo Horizonte, a ex-secretária de Planejamento, Gina Beatriz, torce e reza todos os dias para que ele seja eleito governador. Esta seria a oportunidade que aguarda para dar o troco no prefeito que fez críticas ao seu trabalho para um dirigente do PTB.

******** 

O ex-prefeito e candidato a deputado estadual Paulinho Courominas andou mexendo na coordenação da sua campanha. Entregou a coordenação geral para Lucia Pinheiro deixando Marcelo Oliveira encarregado apenas da assessoria jurídica.



Escrito por Blog do Polli às 06h50
[] [envie esta mensagem] []


 
   blog 25

Blog 25

SERÁ QUE SABIA?

            No final de 2012 após ser proclamado vencedor da eleição para prefeito, enquanto aguardava o início de um evento cultural na Urca, Eloisio Lourenço foi abordado por um conhecido professor e jornalista que após cumprimenta-lo pela vitória, decidiu lhe dar um conselho:

            - Olha prefeito. Você venceu a eleição de forma justa e democrática e vai ter pela frente uma difícil missão que é reorganizar a prefeitura para que a cidade volte a trilhar o caminho do desenvolvimento e realizar as obras que a população tanto espera. Não tenho nada com isso, mas aconselho você a formar uma equipe com profissionais competentes, mesmo que para isso tenha que contrariar alguns companheiros. Aliás, tome cuidado porque tem algumas pessoas a sua volta que mais atrapalha do que ajuda.

            A resposta veio sêca:

            - Não se preocupe professor. Eu sei o que estou fazendo e se precisar te chamo.

            - Não. O sr. não está entendendo, eu não quero emprego, sou do outro lado – respondeu o jornalista, encerrando a conversa.

            Passados vinte meses do governo em meio a uma embromação administrativa e um vaivém sem fim, permanece a dúvida, será que Eloisio sabia mesmo o que tinha a fazer, ao ocupar pela primeira vez um cargo público, e logo como prefeito de uma cidade importante como Poços de Caldas?

            Dias atrás, em conversa com um dirigente de partido aliado, Eloisio confessou que um dos  grandes erros que cometeu neste início de administração foi colocar como responsável pela Secretaria de Planejamento uma pessoa que só lhe causou problemas e inimizades.

            Na mesma conversa admitiu que se pudesse começar de novo, não cometeria algumas falhas que estão tornando inviáveis a execução de projetos importantes e que poderiam render boa aprovação para o seu governo.

            Como não existe nada tão ruim que não possa ficar pior ainda, o prefeito tem pela frente um cenário desanimador. Além das finanças da prefeitura seriamente comprometidas com a despesa maior que a receita, analistas econômicos estão prevendo um período de séria recessão para o ano que vem o que vale dizer que em 2015 o orçamento da prefeitura será menor ainda.

            Se ao invés de achar que já sabia tudo, tivesse dado ouvido a quem tem experiência na prefeitura, a primeira providência a ser tomada, logo no início do mandato seria colocar um freio de arrumação para contenção das despesas, reduzindo secretarias e deixando de preencher cargos de confiança, além de outras medidas que levassem ao equilíbrio das finanças.

            Ao invés disso, o prefeito que sabia de tudo continuou aumentando os gastos e assim procede até hoje, na certeza de que o primo-rico DME continuará socorrendo os cofres municipais, recurso que prometia não lançar mão pelo menos para pagamento de custeio da máquina administrativa. Condenou inclusive esta prática, adotada pelos seus antecessores.

            Num vaivém que já dura vinte meses, a promessa de construir duas mil residências para a população de baixa renda já foi pro espaço junto como o centro de convenções, e as obras que revolucionariam a cidade no setor de mobilidade urbana. Chegou a anunciar com muito alarde a liberação de R$ 74 milhões para as obras, que seriam liberados pelo governo federal.

            Por falar nisso, a incompetente ex-secretária de Planejamento sequer avisou o prefeito que este dinheiro seria um empréstimo e que para ser liberado necessitaria de autorização legislativa e comprovação da capacidade de endividamento da prefeitura.

            O chefe do executivo admite agora que seu governo não fará grandes obras e se conseguir manter em boas condições o que já existe será um avanço diante das dificuldades por que passa a prefeitura.

            Deveria ter prestado atenção ao conselho que lhe foi dado gratuitamente pelo jornalista-escritor-professor e historiador, alguém que conhece profundamente as necessidades do município e as más companhias que até hoje estão penduradas no chefe da casa amarela.

            Quando a coisa apertar de fato, eles serão os primeiros a pular do barco.

DROPS

A semana foi quente no comitê central de Pimenta da Veiga, em Belo Horizonte, com assessores do candidato trombando com Danilo de Castro e Alexandre Silveira batendo testa com outros coordenadores. Superadas as divergências, a campanha voltou às ruas à espera de mais uma rodada de pesquisas que por enquanto mostram Pimenta em situação desconfortável.

*********

O vereador Rogério Andrade pediu informações ao prefeito sobre quais foram os recursos que o município recebeu nos últimos anos, resultado de trabalho dos deputados tanto na Assembleia Legislativa como na Câmara Federal. Diretos ou indiretos, nobre vereador?

*********

Por falar nisso, consta do jornalzinho prestando contas, editado pelo deputado Odair Cunha que foi graças a ele que a cidade ganhou um curso de medicina. A UNIFAE de São João da Boa Vista está iniciando um curso de medicina e em Alfenas estão abertas as inscrições para o vestibular de um novo curso na mesma área. E o nosso, deputado, começa quando?

**********

E` cada dia maior o número de pedintes que circulam pelo centro interpelando as vezes de maneira agressiva as pessoas para pedir esmola. Nos finais de semana principalmente é impossível caminhar alguns metros sem ser abordado por eles, parados nas proximidades das lanchonetes e padarias e na porta e até mesmo no interior da igreja matriz. E a Secretaria de Promoção Social continua ausente, como se não tivesse nada a ver com o problema.

*********  

No Parque José Afonso Junqueira, a concentração não é só de pedintes, o número de jovens drogados também é assustador. Ontem à tarde, um casal de adolescentes trocavam tapas e pontapés, próximo a fonte luminosa, sob olhar dos turistas e não se via nenhum guarda ou policial militar por perto. O parque virou ponto de desocupados, pedintes e drogados.



Escrito por Blog do Polli às 19h00
[] [envie esta mensagem] []


 
  

Blog do Polli



Escrito por Blog do Polli às 11h32
[] [envie esta mensagem] []


 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]  
 
 
HISTÓRICO



OUTROS SITES
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis


VOTAÇÃO
 Dê uma nota para meu blog!